domingo, 20 de novembro de 2011

Quem quer dividir o estado do Pará?

2 comentários:

  1. Defendo ideais republicanos, mas não sou político, sou apenas um cidadão comum. Aos 80 anos, tenho vivido com simplicidade, dignidade e correção buscando sempre ser exemplo para filhos e netos. Minha família se estabeleceu em Santarém, de onde se irradiou pela Amazônia e pelo Mundo há mais de 150 anos, e sempre defendeu a ideia do Estado do Tapajós. Portanto, não sou forasteiro nem adventício. Estou convencido de que esta será uma mudança verdadeira e benéfica, que dinamizará a administração pública, aumentará a autoestima do povo todo e criará condições para a prosperidade. Razões materiais e morais substantivas, aliadas a aspectos sentimentais, me fazem lhe pedir: por favor, não me deixe sozinho, permita que o sonho deste ancião se realize, você nada tem a perder e ambos teremos muito a ganhar. Muito obrigado por seu SIM.
    A construção de Brasília teve muitos opositores, alguns deles esclarecidos e bem intencionados como certos amigos contrários á formação dos estados do Carajás e Tapajós. De fato, Brasília teve um custo enorme, mas o Brasil, que olhava para o mar e o além-mar, voltou-se para si mesmo e criou os fundamentos de seu crescimento como nação, como economia, cultura. O que o Brasil é hoje se deve em grande parte à criação de Brasília. O mesmo acontecerá com o Pará multiplicado, mais consciente de sua diversidade, em núcleos mais coesos, administrando melhor seus recursos, mais próximo de seu povo. Aos 80 anos bem vividos minha experiência me autoriza a afirmar que se não mudarmos nada acontecerá, ficará tudo como está, e prever que a criação de três novos estados nos levará a um futuro de prosperidade e melhoria na qualidade de vida de nosso povo. É por isso que peço e agradeço seu SIM.

    ResponderExcluir
  2. TA NA HORA DA PRESIDENTE,ACBAR COM ISSO SOMOS BRASIL E DE VERDADE , SEM CONFRONTO SEM DIVISÕES,TUDO ISSO É PARA MUDAR UMA UMA FORMA DE CONSEGUIR MAIS DINHEIRO PARA QUEM NAO TEM O QUE MOSTRAR EM CIMA DE UMA POLITICA CORONELISTA E SAFADA DE POLITICOS ALIENADOS E SEM VISÃO SOCIAL.NAO PODEMOS DEIXAR ISSO ACONTECER SOMOS BRASILEIROS ,NAO OPORTUNISTAS ,,,

    ResponderExcluir