segunda-feira, 12 de março de 2012

O multiplo papel do economista


      “O Economista, muitas vezes visto como o profissional das crises, destaca-se no mundo global e instantâneo contemporâneo por sua formação holística. É ao mesmo tempo técnico e Cientista Social. Domina matemática, estatística e econometria tão bem quanto transita pela história, geografia, filosofia, sociologia e política. Vai da dimensão temporal para a espacial com extrema facilidade. Enxerga o global sem perder o olho do particular, e o particular com uma perspectiva global. Discute e interage com questões gerais tão bem quanto é pragmático na resolução de problemas específicos. Atua no setor privado, público ou terceiro setor. É conhecido por ser o profissional da prosperidade, seja no âmbito micro, quando procura melhorar o desempenho das empresas, ou no âmbito macro, quando procura interferir na economia nacional e mundial com objetivo de acelerar o crescimento econômico sustentado. Entretanto, engana-se quem pensa que o Economista é apenas um profissional da riqueza, do dinheiro. Acima de tudo o Economista é o profissional do bem-estar social. É um interprete da sociedade que se coloca também como importante agente de transformação da própria sociedade. Pensa, desta forma, caminhos e alternativas de desenvolvimento de modo que as condições de vida da sociedade como um todo melhorem. É o profissional que busca a prosperidade, mas não perde o foco da pobreza, da miséria e do meio-ambiente. Pelo contrário, busca construir uma sociedade mais justa e igualitária, na qual todos tenham acesso às condições básicas de humanização e desenvolvimento. É um profissional que pensa o abstrato sem perder a sensibilidade do concreto. Ou seja, ser Economista não é para qualquer um, é fundamental a existência de uma vocação para o exercício da profissão. É uma atividade profissional das mais difíceis. E a sociedade como um todo precisa deste profissional.”

Eduardo José Monteiro da Costa. Extrato do artigo “O multiplo papel dos economistas”, Publicado no Jornal O Liberal em 10 de agosto de 2010. Matéria alusiva ao Dia do Economista.

Um comentário:

  1. É a mais completa descrição de nosso perfil profissional. O conhecimento para fins terapeuticos dos mais diversos problemas da sociedade é o que nos incentiva.

    Gostaria que conhecesse e contribuísse com meu blog que fala de Economia, Meio ambiente e Inovação.

    http://wandersoares.blogspot.com/

    Abraços !

    ResponderExcluir