quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Nova eleição para o Corecon-Pará


Como todos já devem saber o Conselho Federal de Economia (COFECON), anulou a eleição para o CORECON-PA determinando a abertura de novo processo eleitoral. Tenho sido bastante questionado por alguns economistas sobre a nulidade do pleito como Conselheiro Federal. A determinação da nulidade do pleito se deu em função de acusações de boca de urna, uso de máquina pública e de voto fora do horário eleitoral.
Tenho a esperança de que neste novo pleito as querelas pessoais sejam deixadas de lado em favor dos verdadeiros interesses da categoria. Espero que haja bom senso e de que esta nova eleição aconteça em alto nível, com debates efetivos sobre ações em prol da categoria.
A votação ocorrerá somente por correspondência. Os economistas receberão em seu endereço postal as cédulas de votação. Após votar os economistas deverão postar o voto por correspondência com a apuração ocorrendo no dia 28 de fevereiro na sede do COFECON em Brasília. Assim, pede-se que este procedimento seja feito com a máxima brevidade para que os votos cheguem a tempo da coleta para apuração.
Este é o momento de exercermos o nosso direito democrático como economistas. A participação de todos neste processo é fundamental!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário