segunda-feira, 17 de junho de 2013

Novos “caras pintadas”?

O noticiário de hoje me lembrou do “Movimento caras pintadas” do início da década de 1990 quando milhares de estudantes saíram às ruas para protestar contra corrupção e pedir o impedimento político do Presidente Collor. Contudo há uma diferença importante, na década de 1990 a Rede Globo foi a grande arquiteta e impulsionadora do movimento. Agora, as redes sociais propiciaram algo de diferente, como num efeito dominó o sentimento de indignação se alastrou a partir de uma iniciativa do Movimento Passe Livre em São Paulo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário