terça-feira, 26 de novembro de 2013

TJPA prioriza Controle Interno


A presidente do TJPA, desembargadora Luzia Nadia Nascimento, abriu, na manhã desta segunda-feira, 25 no auditório do Fórum Cível de Belém, o II Seminário de Controle Interno do Tribunal de Justiça do Pará, que tem como foco “O Controle Interno e a governança estratégica do Poder Judiciário do Pará”.  Para a dirigente, o Controle Interno é prioridade para sua gestão. “Desde o momento em que fui eleita para dirigir o Judiciário paraense, no biêncio de 2013/2014, compreendi com muita clareza que o fortalecimento do controle interno seria uma das minhas mais nobres realizações”, disse durante o evento. Ela ressaltou que os avanços do controle interno sinalizam o fortalecimento da gestão. 
O evento direcionado aos chefes, coordenadores e diretores das unidades organizacionais do TJPA, contou com a participação do secretário de Controle Interno do CNJ, Salatiel Gomes dos Santos. O secretário abordou “os desafios do Controle Interno no Poder Judiciário Brasileiro”.
Eduardo José Monteiro da Costa, secretário de Controle Interno do Tribunal, proferiu palestra sobre “Governança Estratégica e o Controle Interno do TJPA”. Na abordagem, o secretário destacou a importância no cumprimento das metas, que visam, em linhas gerais, fortalecer a estrutura do Judiciário para realização das atividades de administração, fiscalização e avaliação dos controles internos.  Conforme frisou o secretário de controle interno, o objetivo é disseminar as atribuições e competências do controle interno no âmbito do Poder Judiciário.
 
 
O Judiciário do Pará é o 2º mais avançado em termos de Controle Interno, com 88% do cumprimento da Meta 16, do Conselho Nacional de Justiça, conforme informou o secretário de administração do TJPA, Igor Abdon, com base em dados do CNJ. O secretário destacou a importância em avançar com o controle interno, e projeta para o começo do próximo ano que esse percentual deverá atingir quase 100% de cumprimento.
Durante o evento foi apresentado o Plano Anual de Atividades de Auditoria Interna de 2014, pela chefe de divisão Leila Márcia Elias. Em seguida Eliana Vasques, da Divisão de Auditoria, apresentou o Sistema (programa) de auditoria interna (AUDI), desenvolvido pelo servidor Carlos Jatene em parceria com técnicos da Secretaria de Informática do TJ.

Fonte: Coordenadoria de Imprensa
Texto: Glória Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário