terça-feira, 3 de dezembro de 2013

PSOL define pré-candidato ao Palácio do Planalto


No último final de semana o PSOL escolheu o senador Randolfe Rodrigues (AP) como pré-candidato à Presidência da República. O nome de Randolfe tem resistências em setores tidos como mais "radicais" porque em 2010 foi necessária uma intervenção da executiva nacional para impedir que o diretório do Amapá fechasse uma aliança com Lucas Barreto (PTB), candidato ao governo apoiado pelo ex-presidente do Senado José Sarney (PMDB). Eleito ao Senado, Randolfe afastou-se do grupo de Sarney e ajudou o PSOL a eleger em Macapá o primeiro prefeito da legenda numa capital, Clécio Luis.
Já no Pará ainda segue indefinido, ao menos publicamente, quem será o candidato do partido ao Palácio dos Despachos. Dentre os nomes ventilados figuram sempre o de Silvia Letícia, Marinor Brito e Fernando Carneiro. Como é tradição o partido sempre lança candidato a governo e ao Senado.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário