terça-feira, 11 de outubro de 2016

Prêmio Nobel de Economia 2016 👏

Pesquisas que ajudaram no entendimento de como contratos contribuem para o melhor funcionamento da economia foram reconhecidas pelo Prêmio Nobel de Economia de 2016. O anúncio, feito ontem pela Academia Real Sueca de Ciências, em Estocolmo, concedeu o prêmio aos economistas Oliver Hart, 68, da Universidade Harvard, e Bengt Holmström, 67, do MIT (Massachusetts Institute of Technology).

A pesquisa do britânico Hart é focada no papel que a estrutura acionária e os arranjos contratuais têm sobre a governança das empresas. Ele é reconhecido por mostrar, com estudos feitos na década de 80, que falhas contratuais ocorrem em situações em que não é possível registrar e prever todas as informações possíveis no papel.

Já o finlandês Holmström realizou estudos considerados importantes, no fim da década de 1970, sobre incentivos que movem os agentes no mundo corporativo. Ele demonstrou que os acionistas de uma empresa não conseguem acompanhar todas as ações de seus executivos. Com base em sua pesquisa, ficou clara a importância do estabelecimento, por exemplo, de mecanismos de remuneração vinculados ao desempenho dos funcionários.

Muito bom ver a Economia se fortalecendo com o reconhecimento de grandes pesquisas 👏

Nenhum comentário:

Postar um comentário